domingo, outubro 18, 2009

OS PAROLOS

Pelos vistos foram muitos os que ficaram ofendidos, depois de divulgado um vídeo caseiro pelas estações de televisão, com a actriz brasileira Maité Proença a ridicularizar pormenores sem qualquer tipo de significado relativos a situações que ela teve oportunidade de presenciar e que mais tarde mostrou num programazeco de entretenimento no Brasil. O referido vídeo não tem qualquer interesse e nem sequer graça alguma e só alguns pacóvios se podem sentir ofendidos com o material exibido. Não tem qualquer tipo de importância que merecesse a polémica gerada. Os ofendidos talvez sejam os mesmos que acharam natural este país permitir que fosse eleito para a Presidência de uma grande Câmara Municipal, um candidato condenado na primeira instância a 7 anos de prisão por corrupção e gestão danosa. Será que uma tal eleição promove as virtudes de Portugal? Parece afinal que em cada um de nós existe um sentimento de que há sempre um esperto que merece o nosso aplauso quando ele consegue ludibriar o Estado. A Maité Proença não nos conhece suficientemente bem e perdeu a oportunidade de mostrar aos cidadãos do seu país o nosso pior que por sinal neste aspecto também é muito semelhante ao dos brasileiros. Se as verdadeiras vergonhas que assolam os países fossem alvo de tanto destaque e discussão acesa talvez fossemos melhores cidadãos.



1 Comments:

Blogger rouxinol de Bernardim said...

Verdade pura e cristalina...

12:52 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home

Powered by Blogger

  • A MEMÓRIA QUE NÃO SE APAGA